Carnaval 2019: Bloco do Zé homenageia Palhaço Xililique


O artista George Pestana recebeu a notícia de que o seu principal personagem, Palhaço Xililique, será o homenageado do Bloco do Zé em 2019. O desfile acontecerá pelo oitavo consecutivo pelas ruas de Limoeiro e está programado para o dia 17 de março. O idealizador do bloco, ex-vereador Zé Nilton (Avante), realizou a entrega do convite ao homenageado durante a festa dos 30 anos de carreira do Palhaço Xililique, que aconteceu no último domingo (16), na sede do Colombo Sport Club.

“Amigos como já tinha dito aqui no Facebook e nas redes sociais, hoje fui cumprir minha palavra e fiz questão de levar em mãos o convite ao meu amigo George Pestana. Palhaço Xililique está complementado 30 anos de carreira ele foi homenageado em quase todas as cidades circunvizinhas, menos na nossa. Então, ao lado de toda diretoria do Bloco do Zé, decidimos por unanimidade o nosso homenageado”, comentou Zé Nilton em postagem nas redes sociais.

Feira Nova e Machados celebram 55 anos de Emancipação Política

Imagem | Reprodução Internet
A prefeitura do município de Feira Nova, no Agreste Setentrional, divulgou uma semana de atividades em comemoração aos 55 anos de Emancipação Política, que será celebrado oficialmente nesta quinta-feira (20). As comemorações começam nesta terça (18), com a entrega de um kit para o Conselho Tutelar, a partir das 9h.

Até o dia 23 de dezembro, a Terra da Farinha vivenciará corrida de rua, inauguração de obras, missa solene e a final do campeonato regional de futebol. Ainda na programação, nesta quarta (19) tem o encerramento da primeira etapa do projeto de cadeia produtiva da mandioca, no pátio de eventos, a partir das 19h, seguido do show da Banda Capim com Mel.

O município de Machados, conhecido como Terra da Banana, também celebra 55 anos de emancipação. Na próxima quinta (20), a programação conta com alvorada, girândola, inauguração de asfalto, entrega de ambulância UTI, além de apresentações culturais gratuitas. As atividades começam a partir das 6h e seguem até o período da noite. Confira abaixo as programações completas:


Aldinho do Acordeon reúne músicos em homenagem ao Rei do Baião

Imagem | Reprodução Instagram
Imortalizado pelas canções que contaram a vida do povo nordestino, o eterno Rei do Baião, Luiz Gonzaga, também foi pauta de homenagem em Limoeiro. Idealizado pelo músico e cantor Aldinho do Acordeon, o I Tributo a Luiz Gonzaga reuniu, nesse domingo (16), diversos cantores e sanfoneiros no Bar Caldinho do Beleza, estabelecimento parceiro do projeto. Entre os nomes que abrilhantaram a festa, estiveram Ronaldo Morais, Márcia Adriana, Léo Aliados, Ed Lopes, Saulo de Tarso, Bruno Big Music, além da participação de Tiago Sanfoneiro, Duda do Acordeon, Gersinho do Acordeon, Tarcísio do Acordeon, Marquinhos Sanfoneiro e Jaciel do Acordeon.

Para o idealizador do projeto, o momento foi a realização de um sonho. “Pude oferecer minha contribuição ao forró, fazendo acontecer esse sonho de juntar o máximo de forrozeiros e comemorar os 106 anos do nosso Rei Luiz Gonzaga”, comentou. “Superou todos as minhas expectativas com a quantidade de pessoas que compareceram ao Caldinho do Beleza”, comemorou Aldinho, que adiantou para a nossa reportagem que a ideia é manter a comemoração ano a ano. “Ano que vem, sem dúvida, vamos realizar de uma forma bem mais elevada”, garantiu.

Limoeiro: ACS e ACE cobram desconto realizado no pagamento do décimo terceiro

Foto: Edvaldo Carvalho Filho
Dezenas de Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combates às Endemias (ACE) bateram à porta da prefeitura de Limoeiro para cobrar um desconto registrado no pagamento do décimo terceiro salário, efetuado na última sexta-feira (14). Segundo o ACE Eraldo José, os salários vieram sem o valor referente à insalubridade. Esse desconto aconteceu pela primeira vez e gerou muitos comentários negativos.

A entrevista concedida por Eraldo na Rádio Jornal Limoeiro "viralizou" e a repercussão aumentou ainda mais entre os agentes, que ganharam até o apoio de outras categorias. Os profissionais foram recebidos pela secretária de Saúde, Karla Torres. Eles mostraram comprovantes de outras datas e reafirmaram que o pagamento da insalubridade no décimo é garantido por lei.

Procurado pela nossa reportagem para saber o motivo do desconto, o prefeito João Luís (PSB) disse que foi um erro do sistema. “O sistema de folha de pagamento não processou as informações daquilo que são entendidas como verbas transitórias, apesar de ser pago durante o ano todo. Verificamos o erro quando dos primeiros pagamentos realizados na sexta feira passada. Hoje já contabilizamos os valores não pagos e estamos processando uma folha extra para pagamento”, respondeu o gestor.

Questionado sobre a data do pagamento dessa folha extra, o prefeito disse que estaria verificando com a secretaria da Fazenda. “Vou verificar com a Fazenda e informo. Mas acredito que deve ser imediato”, pontuou.

Radialista Alexandre Borges recebe título de cidadão de Passira


O apresentador do programa Jornal do Meio Dia, veiculado pela Rádio Cultural FM (Limoeiro), Alexandre Borges de Souza Filho, recebeu na noite desta quinta-feira (13), em sessão solene na Câmara de Vereadores de Passira, o Título de Cidadão de Passirense. A comenda foi de autoria do vereador Cassiano Oliveira (PPS) e aprovada por unanimidade. 

Em seu discurso, o radialista agradeceu o reconhecimento do seu trabalho desenvolvido na Região do Agreste Setentrional. “A emoção é muito grande, fico grato com o carinho e tamanho reconhecimento do meu trabalho no rádio pernambucano. Tudo feito com muito amor, dedicação e profissionalismo”, declarou o homenageado. Este é o segundo título que o comunicador recebe. Há um ano, Borges recebeu o de Cidadão Limoeirense.

Câmara de Machados rejeita projeto de parcelamento da previdência municipal


O projeto de lei de autoria do Poder Executivo de Machados, que pedia o parcelamento de débitos do Fundo de Previdência Municipal, foi reprovado pela Câmara de Vereadores, na reunião dessa terça (11). Dos nove vereadores atuais, cinco votaram contra o parcelamento de R$ 3.900.603,68: Antônio de Paizinha (DEM), Andresa Plácido (PR), Luciano da Funerária (PSC), Silvinho da Banana (PTB) e Manoel de Deda (PSB). Três parlamentares foram favoráveis: Naldo Marcolino (PSD); Santos (PSDB) e Silvio Borba (PSB). De acordo com a mesa diretora, o nono voto só ocorreria em caso de empate e seria decidido pelo presidente Rogério do Bar (MDB).

De acordo com a oposição, o parcelamento proposto pelo prefeito Argemiro Pimentel (PSB) seria em 240 parcelas e o valor oriundo de repasses do patronal não realizados pela gestão municipal dentro do prazo devido. Em entrevista à Rádio Jornal Limoeiro, o ex-prefeito Cido Plácido (PP) disse que entregou o Fundo de Previdência de Machados, no final de 2012, com aproximadamente R$ 5 milhões de saldo e todos os recolhimentos em dia (servidor e patronal) Diante da situação, classificou a atual gestão de desorganizada. Sobre a fala do ex-prefeito, a assessoria de Comunicação de Machados disse que o prefeito não responderá. 

Além desse projeto, também entraram em pauta na última reunião do ano a criação da Ouvidoria e o parcelamento da dívida da Previdência da Câmara, ambos aprovados. Já o pedido de criação da Secretaria de Meio Ambiente foi rejeitado, enquanto o projeto da Reforma Tributária foi retirado de pauta. A derrota na votação de dois projetos mostra que a bancada de oposição assume a maioria no Poder Legislativo, e avaliza a saída do vereador Manoel de Deda da base governista. Desde a campanha eleitoral, ele dava sinais de rompimento político. (Imagem | Reprodução Internet)

Prefeito de Limoeiro diz que responsabilidade do Mercado Público não é da prefeitura

Imagem | Reprodução Facebook
Com apenas poucas horas de chuva na manhã dessa segunda (10), o Mercado Público de Limoeiro, também conhecido como “Mercado de Farinha”, ficou cheio de água nos corredores e boxes, por conta das diversas goteiras no telhado do prédio histórico. Imagens dos corredores sujos e cheios de água repercutiram rapidamente nas redes sociais. A situação do mercado também foi alvo de críticas nas postagens dos internautas. “Afinal de contas, o que não está abandonado em nossa cidade?”, comentou Carla Moreira. “É preciso trocar o telhado desse mercado”, alertou João Batista. “Mercado público abandonado como sempre”, lamentou Aldo Filho.

Diante da repercussão negativa, a prefeitura se manifestou através de nota encaminhada pela secretaria executiva de Imprensa e Comunicação. Na mensagem, o gestor do município diz que a responsabilidade do Mercado Público não é da prefeitura de Limoeiro, mas que tomará medidas para melhorar a situação do prédio. “O prefeito João Luís gostaria de informar que a administração do Mercado Público não é responsabilidade da Prefeitura. Tem uma Associação responsável. Mesmo assim, a Prefeitura vai tomar as medidas para resolver o ocorrido. Da mesma maneira que fizemos com os portões, há mais de 04 anos quebrados, e a pintura que já fizemos o ano passado”, diz a nota da PML.

Vereadores livram PML de fiscalização e são "bombardeados" nas redes sociais


É incalculável a quantidade de postagens nas redes sociais contra os vereadores que votaram pela rejeição da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que investigaria os contratos de locações de veículos entre a prefeitura de Limoeiro e a empresa Nunes & Nunes. Até o momento a nossa reportagem não registrou nenhum elogio. A comissão ainda investigaria as contratações de combustíveis. A votação ocorreu na última terça (4) e foram registrados apenas 7 votos favoráveis pela instalação da CPI. Para a resolução ser aprovada precisaria da maioria absoluta: 8 votos. Atualmente, a Câmara de Limoeiro conta com 15 representantes.

Votaram contra: Batalha dos Mendes (PSB), Bau da Capoeira (PTB), Jairo do Cedro (PSB) e Zózimo Albuquerque (PRB). O vereador Beto de Washington (PROS) se absteve de votar, enquanto Ciciu de Salobro (PP) e Zélia de Ribeiro do Mel (Podemos) não compareceram. Esses estão sendo bombardeados e chamados de “traidores”. Uma imagem com as fotos deles está circulando em grupos de Whatsapp e Facebook. “Como alguém é eleito para fiscalizar e vota contra uma fiscalização?” Essa tem sido a pergunta mais comum entre os limoeirenses. “Quem não deve, não teme” também tem sido uma das afirmativas mais frequentes nas postagens.

Os vereadores contrários e, por tabela, os que faltaram sem justificativa apresentada pela mesa diretora no dia da votação, estão amargando as críticas. Eles livraram a gestão municipal da fiscalização, mas não saíram da mira das críticas da população. Absolveram, aos olhos da sociedade, qualquer possibilidade de irregularidade nos contratos de locações de veículos e abastecimento. O fato mais curioso é que dias antes todos os vereadores haviam votado favoráveis pelo requerimento coletivo que pedia a abertura da CPI. Faltando pouco menos de dois anos para as eleições, muitos internautas iniciaram campanhas contrárias as possíveis candidaturas deles à reeleição em 2020.

João Alfredo reutiliza tambores na instalação de baterias coletoras de lixo


Dentro do plano de trabalho de preservação dos espaços públicos do município, a Prefeitura Municipal de João Alfredo (PMJA) renovou as baterias coletoras de lixo. Elas foram espalhadas em vários  pontos da cidade. As lixeiras são identificadas por cores, as quais indicam o tipo de cada material que deve ser depositado: verde (vidro), vermelho (plástico), azul (papel) e amarelo (metal).

"O zelo e o cuidado com o espaço em que vivemos também depende das nossas ações. Vamos colaborar colocando o lixo na lixeira. Renovamos as baterias coletoras de João Alfredo, para que, juntos, possamos manter um lugar limpo e agradável. Cuide do que é seu, do que é nosso. Sempre que possível, observe a informação no tambor e faça o descarte corretamente. Agindo assim, todos nós contribuímos", destacou a prefeita Maria Sebastiana em postagem nas redes sociais.

A confecção das baterias de lixeiras buscou a utilização de tambores de metal - promovendo a reciclagem desde o primeiro momento, além da economia financeira. Elas possuem hastes para facilitar o trabalho dos garis no momento da retirada do lixo para o caminhão coletor. No fundo, existem furos para evitar o acúmulo de água parada. "Estamos praticando cidadania, promovendo reciclagem e economizando", pontuou a gestora municipal.

TCE fará auditoria na Câmara de Goiana para apurar suposta compra de votos


Após denúncia protocolada na Ouvidoria do Tribunal de Contas, o conselheiro Dirceu Rodolfo determinou a abertura de uma auditoria especial para fiscalizar “graves irregularidades” ocorridas na eleição para renovação dos membros da mesa diretora da Câmara Municipal de Goiana no dia 19 do mês passado.

De acordo com a denúncia, duas chapas concorreriam à eleição - uma encabeçada pelo presidente Carlos Viegas Júnior e outra pelo vereador Henrique Fenelon de Barros Neto. Viegas conseguiu aprovar uma lei para garantir a reeleição, até então vedada pelo Regimento Interno. Após a aprovação da lei, em 25/06/2018, Viegas publicou um edital convocando eleições para a escolha da nova mesa, mas ao perceber que não seria reeleito expediu uma resolução alterando a data.

“A partir daí, começaram as negociações numa tentativa enlouquecida de ser reeleito, o que ocorreu com o apoio de 9 dos 15 votos possíveis”, afirma a denúncia, frisando que para garantir a reeleição o presidente teria feito todo tipo de manobras, “legais e ilegais”.
Uma dessas manobras teria sido o pagamento de diárias no valor de até R$ 6 mil aos vereadores ligados ao presidente para que eles fossem a um congresso, em Natal, onde teriam ficado “confinados”, num hotel até a data da eleição, a fim de que não houvesse risco de mudar o voto.

AS PROVAS - A denúncia está amparada em vários documentos, entre eles um áudio em que os vereadores ligados a Viegas comemoram o pagamento das diárias e tentam convencer outros colegas a aderir ao presidente e a publicação dos valores das diárias no Portal da Transparência. “Em nome da moralidade pública, faz-se necessária a interferência dos poderes investigativos, em especial do Tribunal de Contas, para apurar os fatos que tanto têm incomodado a população goianense”, conclui a denúncia.

DESPACHO – Após o documento chegar ao seu gabinete, o conselheiro Dirceu Rodolfo, que é o relator das contas de Goiana do presente exercício, despachou: “Levando em apreço os graves fatos trazidos à baila na denúncia, inclusive com provas de relevância, determino a abertura de auditoria especial, com abrangência sobre as duas últimas gestões”.  (Gerência de Jornalismo (GEJO), 07/12/2018)

Ouvinte faz levantamento sobre gastos de Limoeiro e classifica de “lamentável”


Com a implantação da Lei da Transparência, o cidadão passou a ter acesso, através da internet, as informações de receitas e despesas das gestões públicas. A lei tornou o contribuinte o principal fiscalizador dos gastos públicos. Atualmente, por meio do portal da transparência, o morador de qualquer cidade, por exemplo, pode verificar o que entra e sai daquela prefeitura. No município de Limoeiro, um ouvinte da Rádio Jornal Limoeiro, que pediu reserva na identificação, fez um levantamento de algumas áreas e ficou impressionado com os valores gastos e classificou a situação de "lamentável". Acompanhe abaixo o relatório produzido pelo ouvinte:

“Ouço o seu programa todas as manhãs e venho acompanhando os problemas vividos no município de Limoeiro. Lamentável ouvir tudo isso, visto que tudo isso significa que não houve planejamento e nem logística nos gastos públicos, se evidenciando pela suspensão de um serviço vital, em minha opinião, que foi o da Internet, imagine os demais.

Tive a curiosidade de acessar o Portal Tome Conta do TCE e fiz uma análise simplória da despesa “Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica”. No ano de 2.017 foi gasto o valor de R$ 24.464.191,96 (Vinte e Quatro Milhões, Quatrocentos e Sessenta e Quatro Reais, Cento e Noventa e Um Reais e Noventa e Seis Centavos) e me chamou atenção o empenho 492 emitido em favor da empresa PERMAN ARQUITETURA E DESIGN LTDA – ME, cujos serviços foram o discriminado da seguinte forma:  Prestação de Serviços Técnicos Especializados na Elaboração de Projetos de Arquitetura, Paisagismo e Estrutura de um Ginásio de Esporte e Ponte com pavimentação e drenagem para o município, no valor pago de R$ 612.000,00 (Seiscentos e Doze Mil), sendo pago ao longo do período de 04/2017 a 08/2018. A pergunta é: Era necessário? Como anda o ginásio de esporte? Como anda a ponte? Não existiam engenheiros no quadro do município? Não existiam arquitetos no quadro do município? Se existiam, não eram aptos para elaborarem o projeto, até porque esses profissionais estudam para exercer o ofício.

Outro ponto a destacar e a contratação da empresa NUTRICASH SERVICOS LTDA, inicialmente contratada de forma emergencial, onde é “especializada” em gerenciamento de frota e combustível, cujo o total pago no 2.017 foi da ordem de 542.646,60 (Quinhentos e Quarenta e dois Mil, Seiscentos e Quarenta e Seis Reais e Sessenta Centavos). De acordo com o Pregão Presencial 0017/2017, homologado em 14/09/2017 foi estimado em R$ 4.989.327,61 (Quatro Milhões, Novecentos e Oitenta e Nove Reais e Trezentos e Vinte e Sete Reais e Sessenta e Um Centavos), a ser gasto ao longo do término do ano de 2.017, onde a taxa de administração é de 1%, significando dizer que é um custo a mais para administração pública, ou seja, do valor pago em 2017, ocasionou um custo de 5.426,47 (Cinco Mil, Quatrocentos e Vinte e Seis Reais e Quarenta e Sete Centavos), não significa nada para alguns, mas acredito que daria para pagar a Internet. Esse tipo de contratação significa dizer que a maquina pública é ineficiente para gerir seus controles.

Se avaliarmos o pregão, o valor orçado denota um custo ao erário de R$ 49.893,27 (Quarenta e nove Mil, oitocentos e Noventa e Três Reais e Vinte e Sete Reais). Gasto totalmente desnecessário, isso por conta da ineficiência da máquina publica em controlar suas atividades. Lamentável!

No ano de 2.018, já foram gastos o valor de R$ 565.327,98 (Quinhentos e Sessenta e Cinco Mil, Trezentos e Vinte e Sete Reais e Noventa e Oito Centavos), significa dizer que no ano em curso foi pago R$ 5.653,28 (Cinco Mil, Seiscentos e Cinquenta e Três Reais e Vinte e Oito Centavos) de taxa de administração. Esse tipo de gasto significa a total ineficiência do poder público. E não se tem internet. Lamentável!

Outro ponto analisado nos anos de 2.017 e 2018 foram os gastos com festividades, os quais se encontram disponíveis no portal Tome Conta. No ano 2017 foi da ordem de R$ 2.490.243,00 (Dois Milhões Quatrocentos e Noventa Mil e Duzentos e Quanta e Três Reais) e, no ano de 2.018, o valor gasto até o momento é de 989.980,00 (Novecentos e Oitenta e Nove Mil, Novecentos e Oitenta Reais), sem falar nos restos a pagar. Analiso que vivemos a política do circo, pão e vinho vivido na Roma Antiga. Lamentável!

A administração pública jamais poderia incorrer em gastos desta óbice, tendo em vista que nada agrega para a população, além de momentos de descontração. É preciso que os vereadores sejam mais técnicos e passem a analisar os gastos públicos, fiscalizando-os!"

Câmara de Limoeiro rejeita CPI dos Transportes. Confira como votaram os vereadores


Na tarde dessa terça (4) aconteceu a tão aguardada sessão de votação da resolução que visava a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os contratos de locações de veículos e aquisição de combustíveis por parte da prefeitura de Limoeiro. Para ser aprovada, a resolução precisaria de 8 votos, ou seja, maioria absoluta, o que representa cinquenta por cento da quantidade de vereadores da atual legislatura mais um.

Realizada a votação, a resolução foi reprovada. Apenas 7 vereadores votaram favoráveis: José Higino (PP), Roberto Galvão (PSD), Daniel do Mercadinho (PTB), Marcos Sérgio (PSD), Luís Antônio (PTB), Ronaldo Morais (PTdoB) e Marquinhos Paz (PTB). Dois vereadores faltaram: Zélia de Ribeiro do Mel (Podemos) e Ciciu de Salobro (PP). O vereador Beto de Washington se absteve de votar, ou seja, ele estava no plenário, mas optou por não dar o voto. E foram contra a CPI os seguintes vereadores: Bau da Capoeira (PTB), Batalha dos Mendes (PSB), Jairo do Cedro (PSB) e Zózimo Albuquerque (PRB).

O presidente do Legislativo, Juarez Cunha (DEM), só votaria se os outros 14 vereadores tivessem comparecido e terminasse empato em 7 a 7, o chamado “voto de minerva”. Mas como o plenário não estava completo, o presidente não precisou votar. A decisão pela rejeição da CPI gerou grande repercussão nas redes sociais. Centenas de comentários negativos estão sendo postados contra os vereadores que optaram pela rejeição da investigação. Um abaixo assinado segue coletando a assinatura dos limoeirenses para pedir que a Polícia Federal (PF) investigue a atual gestão municipal.

Carpina: vereador Tota Barreto é preso e recolhido ao COTEL

Imagem | Reprodução Internet

O vereador de Carpina Tota Barreto (PSB) foi preso na noite dessa terça (4) em cumprimento de mandado expedido pelo juiz Rildo Vieira da Silva. O parlamentar foi abordado pelos policiais civis no momento em que chegava para participar da sessão da Câmara de Vereadores. A ação foi coordenada pela delegada Bárbara Fort. Tota foi apresentado na delegacia regional de Nazaré da Mata para os procedimentos administrativos e, em seguida, recolhido ao Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (COTEL), em Abreu e Lima.

Segundo informações do Blog do Elielson, o mandado é referente a operação denominada "Caça Fantasma". Essa é a quarta vez que o socialista teve um mandado de prisão decretado. Barreto é apontado como suposto líder de um esquema de fraudes usando empréstimos consignados quando foi presidente da Câmara Municipal de Carpina. Nesta quarta (5), a delegada fará um pronunciamento sobre o caso. Até o momento a Polícia Civil não emitiu nenhuma nota oficial. (Com informações do Blog do Elielson)

Prefeito de Orobó afirma que esposa será candidata a prefeita em 2020


Entrevistado no Quadro Político da Rádio Jornal Limoeiro, o prefeito de Orobó, Cléber Chaparral (PSD), reconheceu que errou na escolha do partido para filiar a esposa Juliana Chaparral. Ela foi candidata a deputada estadual pelo Patriotas, e mesmo com 31.999 votos não conseguiu a vaga na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). “Em qualquer outra legenda ela seria eleita”, comentou o gestor. “Foi tudo em cima da hora, não paramos para analisar como deveria, mas faz parte da política. Pela votação que ela teve foi uma vencedora”, completou.

Indagado sobre o futuro, Chaparral não escondeu que a primeira dama será candidata a prefeita em 2020. Como não pode ser em Orobó, o marido adiantou que será em um município da região do Agreste Setentrional. “Vamos para onde o povo pedir e precisar de uma gestora comprometida”, pontuou. Ele ainda não confirma territórios, mas nos bastidores políticos circula a informação de que Casinhas e Bom Jardim são os primeiros da lista. Perguntado se a decisão não caracteriza carreira política em família, Chaparral disse que o povo é quem decide.

Na pauta, o assunto sobre os desvios de R$ 2,6 milhões do Instituto de Previdência de Orobó (IPEO) também foi abordado. O prefeito reconheceu que foi a pior notícia das suas duas gestões. “Mancha o trabalho que fizemos, mas contribui com as investigações e estamos disponíveis aos órgãos de fiscalização para ajudar”, assegurou. Quando perguntando se não acompanhava o dia a dia do IPEO, o prefeito confidenciou que recebia do setor contábil informações positivas. “Até o Tribunal de Contas fez uma auditoria e não encontrou irregularidades naquele primeiro momento”, declarou. (Imagem | Edinho Soares)

Vereador André Xavier sinaliza pré-candidatura a prefeito de João Alfredo


O médico e vereador por João Alfredo, André Xavier (PSD), anunciou sua saída da base governista na última sessão ordinária do mês de novembro. O rompimento com o grupo liderado pela prefeita Maria Sebastiana (PSD) também marca o início da formação de uma possível terceira via para a disputa da prefeitura em 2020. Com discurso de críticas e cobranças, o vereador disse que os eleitores precisam de mais opções, emendando que há vários anos apenas dois grupos se revezam na administração do município.

De acordo com matéria publicada no Blog Dimas Santos, “já foram sondados representantes locais do PT e do PRB que demonstraram interesse em integrar o novo grupo político”. André ainda não teria definido qual o seu futuro partido. O vereador Walque do Celular (PSD) também estaria deixando a bancada de situação. Por outro lado, dois vereadores que estavam na oposição podem oficializar, nos próximos dias, a migração para a base governista. (Imagem | Reprodução Blog Dimas Santos)

Comerciantes cogitam Neto Nicolau na disputa das eleições municipais


Associados da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Limoeiro (CDL) estiveram reunidos neste domingo (2) para a confraternização de final de ano. O encontro ocorreu no parque de exposição de animais Dr. Emídio Cavalcanti, as margens da Rodovia PE 50, em Limoeiro. Ao som do grupo Big Music, as pautas nas mesas estiveram "recheadas" de assuntos. Expectativa para as vendas de fim de ano, parcerias, família, investimentos, oportunidades de negócios e crise financeira foram alguns discutidos ao longo do dia. Mas o tema Política não ficou de fora.

Faltando pouco menos de dois anos, a Eleição 2020 começou a ser debatida em alguns grupos. No centro das conversas, vários comerciantes não esconderam a insatisfação com o atual momento vivido pela gestão municipal, principalmente, com os atrasos de fornecedores e a instabilidade no pagamento dos servidores municipais, o que tem afetado o comércio local. 

No centro dos debates, o nome do empresário Neto Nicolau foi citado por várias vezes. "Pressionado" a lançar a pré-candidatura, Neto manteve o estilo categórico ao afirmar que pretende seguir focado nos negócios da família (Casa Primor), mas não escondeu que gosta do segmento político. O nome dele também é lembrado como um futuro candidato de peso ao cargo de vice em qualquer grupo.

No clima da confraternização, outros nomes começaram a ser cogitados para uma possível chapa majoritária, o que já chamam de terceira via. "Já passou da hora de Limoeiro ter um gestor empresário, alguém que tenha visão de administrar para o coletivo, deixando de lado acordos e amarras políticas, algo novo e com total liberdade. Uma pessoa com o perfil empreendedor e não que pense nele e na família. Tem que pensar na família chamada Limoeiro", pontuou um empresário que estava na mesma mesa deste blogueiro.

Marquinhos Paz revela voto favorável pela instalação da CPI dos Transportes


O vereador Marquinhos Paz (PTB) também adiantou o voto sobre a sequência do processo de instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que vai investigar os contratos de locação de veículos entre a prefeitura de Limoeiro e a empresa Nunes e Nunes, além da aquisição de combustível para os veículos da gestão municipal. A votação está agendada para terça-feira (4).

Integrante da bancada de situação, Marquinhos disse a nossa reportagem através do envio de mensagem que o voto dele será favorável a instalação da CPI. “Sou a favor da transparência e da apuração rigorosa de eventuais irregularidades, e a CPI é um instrumento político benéfico à sociedade, como de informar possíveis irregularidades com o dinheiro público”, disse Marquinhos Paz. 

Mesmo com o requerimento para abertura da CPI aprovado por unanimidade, circula nos bastidores políticos a possibilidade de a investigação não seguir adiante. O fato gerou repercussão e a sociedade civil iniciou um abaixo assinado para exigir que as investigações aconteçam. O documento com as assinaturas dos limoeirenses será protocolado no Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Superintendência da Polícia Federal (PF). (Imagem | Reprodução Youtube Cultural Web TV)

Articulações visam João Morais como candidato da terceira via em Machados


As articulações para as eleições de 2020 no município de Machados começaram. O pontapé foi dado por alguns integrantes da política local que projetam o lançamento do que seria uma terceira via. Recentemente, o empresário João Morais (PR) esteve reunido com lideranças machadenses para começar a trilhar o caminho da possível futura candidatura ao cargo de prefeito. Morais foi vereador e candidato a vice nas eleições de 2016 ao lado de Cido Plácido.  

O projeto começou a ser desenhado com a participação do ex-vereador Francisco Fotografias (PROS), do suplente de vereador Dênis de Manoel do Rádio (Patriota) e do agente de mídia política Carlos Farias. Já nos primeiros passos da pré-campanha, João também conta com o apoio da família Morais, inclusive, do irmão Artur, um dos maiores geradores de emprego no município.

Bastidores - Na primeira eleição disputada pelo atual prefeito Argemiro Pimentel (PSB), em 2012, Francisco Fotografias foi um dos principais articuladores da campanha vitoriosa. Ele disse a nossa reportagem que nas esquinas da cidade tem sido muito comum o desejo por uma terceira via. “Planejamos nos dedicar da mesma forma das outras eleições, respeitando, ouvindo, debatendo e conquistando a confiança das pessoas. Não somos maiores do que ninguém, mas esse grupo que começa a ser formado pode ser a opção tão esperada”, comentou Francisco.

Marcos Sérgio antecipa voto sobre CPI dos Transportes: “Sou favorável”


Na utilização dos cinco minutos finais na reunião da Câmara Municipal de Limoeiro, na tarde dessa terça (28), o vereador Marcos Sérgio (PSD) falou sobre o encaminhamento da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os contratos de locações de veículos para os transportes escolar e administrativo realizado entre a prefeitura de Limoeiro e a Nunes & Nunes. Batizada de CPI dos Transportes, a ação também objetiva investigar as licitações de combustíveis.

Apesar de integrar a bancada de apoio à gestão do prefeito João Luís (PSB), Marcos antecipou sua decisão e disse que, em qualquer momento, será favorável a abertura da CPI. “Sempre ficarei do lado do povo. Foram mais de mil e trezentos votos de confiança. Agimos com responsabilidade, imparcialidade e transparência na CPI da Previdência e não será diferente com os transportes”, pontuou o vereador. Ao final da reunião, o presidente do Poder Legislativo, Juarez Cunha (DEM), também adiantou o voto, caso seja necessário. Se a votação do plenário terminar empate, o presidente da mesa disse que votará pela abertura da CPI.

Mesmo com o requerimento para abertura da CPI aprovado por unanimidade, circula nos bastidores políticos a possibilidade de a investigação não seguir adiante. O fato gerou repercussão e a sociedade civil iniciou um abaixo assinado antecipadamente para exigir que as investigações aconteçam. O documento com as assinaturas dos limoeirenses será protocolado no Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Superintendência da Polícia Federal (PF).

Salgueiro: gestão anterior é alvo de operação da Polícia Federal

Imagem | Reprodução Internet
A Polícia Federal (PF) com apoio do Ministério Público Federal (MPF) deflagrou na manhã desta quarta (28), a Operação Solaris, que visa combater suposto desvio de recursos públicos identificados na Secretaria de Saúde da prefeitura de Salgueiro. As investigações que duraram cerca de cinco meses apontaram um esquema de corrupção envolvendo ex-servidores e uma determinada empresa contratada para fornecer hospedagem e alimentação dos pacientes enviados pela prefeitura dentro do Programa Tratamento Fora do Domicílio (TFD), os quais estavam sendo desviados do Fundo Municipal de Saúde para fins ilícitos.

Na operação, que teve início às 6h, estão sendo utilizados 36 policiais federais que estão dando cumprimento a 08 mandados de busca e apreensão, sendo 04 quatro em Salgueiro, sendo 02 endereços da prefeitura e mais 02 dois nos bairros de Nossa Senhora das Graças e Divino Espírito Santo, como também 03 em Recife: 01 no Bairro de Santo Amaro e 02 na Boa vista. Também há um mandado sendo cumprido em Olinda, no bairro de Casa Caiada.

O objetivo é de arrecadar documentos relativos a contratação e pagamentos prestados ao Programa de Tratamento Fora do Domicílio, além de planilhas de controles de hospedagem e transporte. Os crimes que estão sendo investigados são os contidos nos artigos 288 (associação criminosa), 299 (falsidade ideológica), 312 (peculato), 317 (corrupção passiva) e 333 (corrupção ativa) todos do Código Penal, cujas penas somadas ultrapassam os 30 anos de reclusão.

O valor dos prejuízos aos cofres públicos bem como os recursos desviados ainda está sendo levantado. Os desvios dos recursos dizem respeito à gestão municipal passada. A operação foi intitulada “Solaris” em virtude de ser o nome em latim que faz referência à empresa contratada para fornecer hospedagem e alimentação dos pacientes enviados pela prefeitura de Salgueiro para tratamento em hospitais localizados em outras regiões. (Com informações da assessoria de Comunicação da PF)

TRE desaprova contas de candidato a deputado estadual

Imagem | Reprodução Internet
O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), em sessão realizada nesta terça (27), desaprovou as contas de Tallys Augusto de Lima Maia, candidato ao cargo de deputado estadual pelo AVANTE e suplente da coligação O Pernambuco que Você Quer.

O relator do processo, desembargador Júlio Alcino de Oliveira Neto, esclareceu em seu voto que “o órgão técnico constatou indícios de omissão de receitas no valor total de R$ 3.200,00 (três mil e duzentos reais), bem como a realização de despesas após a data da eleição”, ressaltando que “a ausência de credibilidade ou obscuridade não sanada das doações recebidas é matéria conhecida e suficiente a ensejar a reprovação das contas, mormente quando afeta quantitativo relevante da receita declarada”.

Por unanimidade, o plenário do TRE julgou desaprovadas as contas do candidato referente às Eleições 2018 e impuseram ao mesmo a devolução aos doadores dos valores indevidamente depositados em conta de campanha. (Processo nº: 0601910-06.2018.6.17.0000 | Com informações da Assessoria de Comunicação do TRE/PE)

Michel Temer aprova reajuste dos salários para ministros do STF

Imagem | Reprodução Internet
O presidente Michel Temer sancionou o reajuste dos salários para os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Com a mudança, os 11 integrantes da casa e Raquel Dodge, chefe do Ministério Público Federal, vão receber um aumento que vai dos R$ 33,7 mil para R$ 39 mil. Em contrapartida, com o anúncio do reajuste, o ministro do STF, Luiz Fux, revogou o auxílio-moradia dado aos magistrados.

O reajuste tinha sido aprovado no dia 7 de novembro no Senado. A medida pode causar um impacto de mais de um bilhão de reais nas contas da União, já que a decisão abre um efeito cascata sobre os demais funcionários do Judiciário. A conta chega a R$ 4 bilhões se forem incluídos nos cálculos os municípios e estados. A avaliação é de estudos técnicos do Senado e de consultorias de orçamento do Congresso.

Para amenizar o impacto, foi negociado com os magistrados a retirada do auxílio moradia, que por ano custam R$ 450 milhões. Esse tópico foi negociado entre Planalto e o STF para que a aprovação do reajuste fosse viável. (Reportagem | Raphael Costa | Agência Rádio Mais)

Governo de Pernambuco atrasa cachês e Sindicato dos Músicos emite nota de repúdio


Cansados de esperar, músicos pernambucanos quebraram o silêncio para cobrar do Governo do Estado de Pernambuco o pagamento referente às apresentações artísticas realizadas nos períodos carnavalesco e junino deste ano. Através de nota de repúdio emitida pelo Sindicato dos Músicos Profissionais do Estado de Pernambuco (SINDIMUPE), a categoria afirma que a gestão do governador Paulo Câmara (PSB) não tem dado atenção aos artistas, inclusive, classificando a situação de “calote”. Confira abaixo, na íntegra, a nota do SINDIMUPE.

“O Sindicato dos Músicos Profissionais do Estado de Pernambuco (SINDIMUPE) vem a público, através desta nota de repúdio, expressar sua insatisfação quanto aos constantes atrasos nos pagamentos dos cachês dos artistas pernambucanos.

Está mais do que provado que a gestão do governador Paulo Câmara tem dado as costas para a cultura e está pouco se importando com os artistas da terra. Em consulta ao Portal da Transparência do Estado de Pernambuco, pode-se comprovar o calote dado pelo Governo em dezenas de artistas e produtores culturais pernambucanos.

Os pagamentos em atraso arrastam-se desde o carnaval 2018 e estendem-se ao São João e outros eventos “patrocinados” pelo Governo do Estado. Os artistas reclamam que não são recebidos pelo governador, os órgãos competentes não se posicionam sobre a previsão para quitação dos cachês em atraso. Questionam-se também os critérios adotados para pagamentos, uma vez que apenas alguns privilegiados conseguiram receber do Estado alguma coisa.

Apenas referente ao carnaval, Empetur e Fundarpe devem mais de 1 milhão de reais. E quanto ao São João, esse montante é infinitamente maior! Para a maioria dos artistas, um pagamento sequer foi efetuado. Isso tem causado prejuízos incalculáveis à classe artística que prestou seus serviços, animando festas e eventos por todo Estado e promovendo nossa cultura.

A bola de neve cresce a cada dia. A maioria dos artistas está impossibilitada de honrar seus compromissos financeiros, enquanto outros já calculam os prejuízos com juros, multas e outros encargos causados pelo atraso no pagamento e sofrem com o descaso da administração Paulo Câmara.

Eleito em primeiro turno, o Governador parece fazer vista grossa ao problema e não se posiciona a respeito. O fato é que o problema se tornou insustentável e os artistas estão muito endividados, pois para se apresentarem, tiveram que arcar com várias despesas, como transporte, alimentação, estúdio, produção, etc, e sentem-se escanteados e abandonados pela gestão.

Com o ano fiscal preste a se encerrar, a preocupação aumenta e fica a pergunta no ar: dará o Governador um jeito de burlar a lei de responsabilidade fiscal e empurrar os pagamentos atrasados para o ano que vem? Pelo jeito, os artistas pernambucanos passarão o Natal de mãos abanando e ficarão mesmo em “restos a pagar!”. Esperamos que o governador coloque os artistas na lista de prioridades.

 A luta continua, pois a missão do SINDIMUPE é lutar pelos direitos da categoria. UNIDOS SOMOS FORTE!”

Município de Orobó celebra festa da padroeira e centenário da paróquia

Imagem | Edinho Soares
No período de 29 de novembro a 09 de dezembro, Orobó celebra a esta de Nossa Senhora da Conceição, padroeira do município. Este ano, o evento também marca o centenário da paróquia. Com uma programação exclusivamente religiosa, a festa deverá reunir milhares de fieis das comunidades da cidade e da zona rural, além de visitantes de paróquias vizinhas. De acordo com o pároco Vanduy Bione, as celebrações do novenário serão presididas por padres e bispos convidados.

As pastorais e grupos jovens estarão divididos na organização das missas, juntamente com os grupos de música responsáveis pela animação das celebrações. No sábado (8), dia da festa, a partir das 4h30, uma alvorada festiva com repique de sinos e ofício cantado acorda os moradores para celebrar o clima religioso. Na mesma data, às 5h, terá a primeira celebração eucarística do dia.

Ainda no dia 8, a partir das 10h, a celebração da Imaculada Conceição, será ministrada pelo filho da terra, Dom Manoel dos Reis de Farias (Bispo Emérito de Petrolina). A programação segue às 12h com a descida da Imagem de Nossa Senhora da Conceição, e às 15h30 a última celebração, seguida da procissão da imagem, percorrendo as principais ruas da cidade, encerrando com a bênção com o Santíssimo Sacramento.

Louvor – No domingo (9) ocorrerá a tradicional subida da imagem. Estão programadas para as 18h a celebração eucarística e entronização da imagem de Nossa Senhora da Conceição no altar da Igreja Matriz. O encerramento da festa será com o show do Ministério Adoração e Vida.

TCE recomenda rejeição da prestação de contas da prefeitura de Machados

Imagem | Reprodução Internet
A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE) analisou na última quinta-feira (22) processos de prestação de contas das prefeituras de Machados e Orobó, ambas do exercício financeiro de 2015. Elas tiveram como relatora a conselheira Teresa Duere. Com relação ao município de Machados foi emitido parecer prévio recomendando à Câmara Municipal de Machados a rejeição das contas do prefeito Argemiro Pimentel (PSB).

Entre as irregularidades foi apontado a falta de recolhimento de contribuições previdenciárias, além do descumprimento do limite da Despesa Total com Pessoal (54%) nos 03 quadrimestres de 2015 e fragilidade do planejamento e da execução orçamentária, uma vez que a Lei de Diretrizes Orçamentárias e a Lei Orçamentária Anual não atenderam a todos os requisitos estabelecidos pela legislação. Por conta das irregularidades, o gestor municipal também foi multado em R$ 19 mil.

Orobó - Por fim, foram julgadas regulares, com ressalvas, as contas do prefeito de Orobó, Cléber Aguiar da Silva (Chaparral – PSD). No entanto, a relatora realizou uma série de determinações, principalmente relativas ao controle financeiro. Todos os votos foram aprovados por unanimidade. O procurador Cristiano Pimentel representou o Ministério Público de Contas na sessão. 

Aluno da rede municipal de Limoeiro conquista medalha na OBMEP


Na última quarta-feira (22), o IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada) anunciou os vencedores da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) 2017 do Estado. Em Limoeiro, o prêmio veio para o aluno Antônio Cassiano dos Santos, da Escola Municipal Cônego Deusedith, que receberá medalha de bronze. A olimpíada é destinada a estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC), com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM).

A 13ª edição da OBMEP bateu novo recorde de escolas (53.231), de 99,6% dos municípios brasileiros. Dos 18,2 milhões de estudantes inscritos, 941 mil foram classificados para a segunda fase da competição – 903 mil de escolas públicas e 38 mil de particulares. A olimpíada integra o calendário de atividades do Biênio da Matemática do Brasil 2017-2018, que tem patrocínio do BNDES e apoio dos ministérios da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e da Educação. O impacto efetivo da OBMEP nos resultados de Matemática no país tem sido medido por estudos independentes. (Com informações da PML)

Ação de arborização visa plantio de 5 mil árvores no município de Passira

Imagem | PMP
O município de Passira receberá o plantio de 5 mil mudas de árvores nativas da Mata Atlântica. A ação de arborização acontece através de parceria firmada entre a prefeitura e a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco (SEMAS). Sob a coordenação do diretor municipal de Meio Ambiente, Mailson Oliveira, a ação visa reverter os impactos ambientais e melhorar a qualidade de vida da população. A primeira etapa consiste no plantio das 300 primeiras mudas recebidas pela gestão municipal. 

“Iniciaremos o trabalho com o plantio de trezentas árvores nos prédios públicos, a exemplo de escolas, postos de saúde e secretarias. Em seguida, faremos o mapeamento para arborizar a entrada da cidade, além de outras localidades”, explicou a prefeita Renya Carla. “A nossa gestão tem focado o olhar para todas as áreas. No Meio Ambiente, estamos firmando parcerias que objetivam estimular a prática da preservação ambiental”, completou a gestora municipal.

As mudas doadas pela SEMAS são de: Pau Ferro, Embaúba, Pau Brasil e Ipê. “A partir de janeiro de 2019 vamos receber as demais, que no caso são 4.700, para juntos promovermos uma grande ação de plantio em Passira”, adianta Mailson. O diretor de Meio Ambiente idealizou anos atrás com colegas de escola o Projeto Plantar Mais, cujo objetivo também seria o plantio de 5 mil mudas em Passira. “Poderia dizer que é uma continuação do Plantar Mais”, pontuou Oliveira. Moradores, estudantes e servidores serão convidados a participar das ações de arborização.