Vereadores derrubam veto e reajuste salarial dos motoristas é mantido em Limoeiro


Vereadores do município de Limoeiro derrubaram o veto do prefeito João Luís e garantiram 50% de aumento salarial para os motoristas efetivos. A votação entrou na pauta da sessão dessa sexta (24). As bancadas de situação e oposição foram favoráveis a manutenção do aumento. Apenas o vereador Jairo do Cedro (PSB) se absteve de votar.

Para vetar, o prefeito citou uma recomendação do Ministério Público de Contas de Pernambuco em conjunto com o Tribunal de Contas de Pernambuco: “Não encaminharem projetos de lei prevendo a revisão anual dos vencimentos dos servidores públicos ou aumentos diferenciados, durante o presente período da situação de emergência de saúde pública”.

O projeto foi aprovado por unanimidade dias antes da emissão da recomendação, um dos fatores que levou o Legislativo a manter a decisão do reajuste salarial. De acordo com o advogado dos motoristas, Márcio Pimentel, a derrubada do veto foi uma vitória da categoria. O projeto seguiu para ser sancionado pelo prefeito. Caso não proceda, a sanção será feita pelo vereador Juarez Cunha, presidente da Câmara Municipal de Limoeiro.