Páginas

Vias de oposição entram em consenso para disputar comando da UVP


O município de São Caetano foi palco de uma reunião para definir a chapa que representará a oposição na disputa pela presidência da União dos Vereadores de Pernambuco (UVP). O encontro aconteceu na tarde dessa terça (9) e contou com representantes de várias regiões do Estado que haviam lançado pré-candidatura ao cargo de presidente. Buscando fortalecer a chapa através de um consenso, os oposicionistas decidiram unificar os nomes numa chapa.

 

Para disputar o comando da UVP no biênio 2021/2022 foram escolhidos os seguintes nomes: José Raimundo – PP de Serra Talhada (Presidente); João Chaves – PSB de São Caetano (Vice-Presidente); Gilvan da Malhadinha – PP de Cumaru (Tesoureiro); Ronaldo Silva – DEM de Petrolina (Secretário Geral). A chapa completa reunirá aproximadamente 30 nomes. Os demais cargos serão ocupados por parlamentares de outros municípios, buscando atender todas as regiões do Estado.

 

Pela situação, o atual presidente da UVP, Josinaldo Barbosa (PTB), do município de Timbaúba, já declarou que tentará a reeleição. Há outros nomes interessados em “brigar” pela cadeira de presidente da entidade representativa dos vereadores pernambucanos, mas que não devem permanecer até a disputa, que está agendada para o mês de março durante congresso marcado para um hotel na cidade de Gravatá.