Polícia descobre suspeito de desmatamento na zona rural de Surubim


O pedreiro Paulo da Silva, 48 anos, vai responder a um processo por infração à flora. Segundo informações da Polícia Militar (PM), ele é suspeito da prática de desmatamento no Sítio Lério de Cima, zona rural de Surubim. Os policiais apreenderam na casa dele duas motosserras. O suspeito disse que as máquinas eram utilizadas para cortar lenhas e em seguida vendê-las para uma cerâmica na cidade do Carpina. De acordo com a polícia, Paulo não possuía licença ambiental para exercer a atividade. Ele foi autuado em flagrante na Delegacia de Surubim. Após prestar depoimento, o suspeito foi liberado para responder ao processo em liberdade.