Polícia intensifica investigações sobre passirenses denegridas nas redes sociais

Foto | Reprodução Facebook
A prefeita de Passira, Renya Carla (PP), esteve reunida nesta segunda-feira (9) com o chefe adjunto da Polícia Civil de Pernambuco, delegado Charles Gutierres, para repassar novas informações relacionadas às mulheres do município, inclusive a gestora, que tiveram suas fotos inseridas em montagens eróticas e compartilhadas nas redes sociais. O delegado de repressão a crimes cibernéticos, Derivaldo Lira, também participou da reunião. As investigações seguem em sigilo. Depois que a denúncia formal foi feita, novos casos não foram registrados em Passira. Em postagem no Facebook, Renya disse que defende a democracia e a liberdade de expressão, mas não permitirá a falta de respeito, e sendo um crime, vai tomar as medidas necessárias para que a justiça seja feita. Nos comentários abaixo da publicação, dezenas de moradores voltaram incentivar as mulheres que foram vítimas.