Vereadores de Limoeiro cobram à prefeitura respostas dos requerimentos


Semanalmente, vários requerimentos são apresentados pelos vereadores nas sessões da Câmara Municipal de Limoeiro. Em sua maioria, as solicitações parlamentares são aprovadas. Os requerimentos passam pela secretaria da Casa Legislativa para validação e seguem para os órgãos executivos, além de entidades públicas ou privadas. Levantamento realizado pela nossa reportagem, dos mais de 500 requerimentos aprovados neste primeiro ano de legislatura, grande parte das reivindicações é direcionada à prefeitura de Limoeiro. Mas, e as respostas? O retorno dos pedidos entrou na pauta da última terça-feira (1).

O vereador da bancada de situação, José Higino (PP), apresentou um requerimento solicitando da gestão municipal uma atenção maior aos pedidos. Com mais de sete meses de gestão, os vereadores permanecem sem retorno. Em entrevista concedida à Rádio Jornal Limoeiro, o autor do requerimento disse que, as solicitações representam as necessidades das pessoas, e entende que nem tudo é possível realizar de imediato, mas ponderou ao afirmar que os vereadores aguardam respostas, independente de ser positiva ou negativa, se pode e quando pode, ou mesmo se não tem como fazer.

Resposta – Em nota, a prefeitura de Limoeiro disse que “a gestão municipal só veio receber os requerimentos aproximadamente sessenta dias após o início do período legislativo, que se deu em primeiro de fevereiro. Apesar do acúmulo, dezenas deles já foram respondidos pelos secretários de suas respectivas pastas. As atuais pendências se devem ao atraso no envio pela Câmara Municipal. Os requerimentos que ainda não foram respondidos estão sendo analisados e serão respondidos”.