Com viatura quebrada, PM utiliza ambulância para atender ocorrência de estupro em João Alfredo


A delegacia de João Alfredo abriu inquérito policial para investigar uma denúncia de estupro de vulnerável. Por volta das 7h deste domingo (1º) uma menina de 10 anos deu entrada no hospital municipal suspeita de ter sofrido abuso sexual. De acordo com testemunhas, o principal suspeito é o irmão dela, identificado como Rosélio Henrique de Santana, 18 anos, residente no Sítio Jenipapo, zona rural de João Alfredo. Segundo o Conselho Tutelar, existe denúncia no Disk 100 sendo apurada pela promotoria local sobre o crime de estupro. Relatos afirmam que o irmão é suspeito de induzir a menor a se insinuar sexualmente para outros homens, e com isso obter vantagens financeiras. A Polícia Militar  (PM) foi acionada, mas a viatura do destacamento local está quebrada. Foi preciso o envio da ambulância do hospital para o transporte dos policiais para o registro da ocorrência. (Imagem | Google Maps)