Polícia apreende madeiras extraídas ilegalmente em Santa Maria do Cambucá


Após uma série de denúncias, policiais civis da delegacia de Santa Maria do Cambucá apreenderam nesta quarta-feira (26) dois caminhões carregados de madeira e lenha, que estavam estacionados as margens da Rodovia PE 90. De acordo com a polícia, os produtos são provenientes de desmatamentos realizados na Região Agreste sem autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (IBAMA), o que caracteriza crime ambiental. Em nota, a polícia disse que algumas madeiras são de árvores nativas e em risco de extinção. 

O documento diz ainda que o trecho de acesso ao município de Frei Miguelinho também tem sido utilizado para escoamento da carga ilegal, por isso, a via foi batizada de “Rota do Desmatamento”. Segundo as investigações iniciais, os caminhões são estacionados em postos de combustíveis as margens da PE 90.  A nota da Polícia Civil também afirma que “esse tipo de crime vem colaborando para piorar a situação do clima e alimentar a grande seca”. As operações serão mantidas em conjunto com o IBAMA e CIPOMA. Nesta ação, nenhum suspeito foi encontrado no local. (Imagem | Divulgação PC)