Promessas de ações e clima de campanha marcam posse de Thiago Cavalcanti


Com 32 anos de idade, o bancário Thiago Cavalcanti (PROS) assumiu oficialmente a gestão do município de Limoeiro, em substituição ao prefeito e tio Ricardo Teobaldo (PTB), que renunciou para uma futura candidatura a deputado federal. O ato de posse e juramento foi realizado na noite desta sexta (04), no plenário da Câmara Municipal, após 1h45 de atraso. Ladeado por familiares, servidores municipais e políticos das esferas estadual e federal, Thiago optou por um discurso leve e descontraído.  O novo prefeito afirmou empenho nas ações direcionadas ao município ao reconhecer que a sua idade tem gerado a desconfiança de alguns munícipes. 

“Fiz estágios. Estou preparado. Comecei minha vida política muito cedo, inclusive passando por coordenações das juventudes nas campanhas, além disso fui vereador, secretário de Administração e chego pronto e motivado para governar Limoeiro”, garantiu Thiago, ao revelar que o seu grande sonho era ser jogador de futebol, mas por conta da política seguiu um caminho diferente, no qual estava realizando o segundo: ser prefeito de Limoeiro.  Em tom de campanha, o novo prefeito disse que poderá fazer mais com a eleição dos tios Ricardo Teobaldo e José Humberto, para os cargos de deputado federal e estadual, respectivamente. Cavalcanti não se esqueceu da chapa completa e pediu apoio para as candidaturas de Armando Monteiro (PDT) para governador e João Paulo (PT) para senador.

Campanha – O ato de posse tomou sentido de ato político. Foram registradas as presenças dos deputados federais José Chaves (PTB), Silvio Costa (PSC) e João Paulo PT), dos senadores Armando Monteiro (PTB) e Humberto Costa (PT), do deputado estadual Silvio Costa Filho (PTB) e do ex-deputado estadual Romário Dias (PTB). Todos, em seus discursos, se colocaram a disposição de Limoeiro e falaram em tom otimista da vitória do grupo liderado pelo senador petebista. Nesta segunda (07), Thiago Cavalcanti anunciará algumas mudanças no secretariado. (Imagem | DI PML)