Galpão das Artes lança projetos culturais beneficiando bairros e comunidades rurais


O segundo semestre começou em ritmo acelerado para o Centro de Criação Galpão das Artes de Limoeiro. Na manhã da última quinta-feira (22), a entidade lançou oficialmente três ações culturais, que vão beneficiar comunidades da sede e da zona rural de Limoeiro. Os recursos para execução são oriundos de entidades públicas e privadas, após aprovação dos projetos em editais. 

No auditório da Faculdade de Ciências Aplicadas de Limoeiro (FACAL), os integrantes do Galpão das Artes abriram as cortinas, inicialmente, para o Cine Galpão na Rua e Cultura Popular. O projeto está levando a Sétima Arte aos diferentes lugares e extratos sociais de variados níveis de instrução e de diversas idades com exibição de filmes nacionais. As exibições são executadas através de projetor de alta definição e com telão. No período de 22 de agosto 30 de setembro, o cinema aportará nas comunidades de Serra da Maúna, Coqueiros, Congal, Cohab Nova, Alto de São Sebastião, Praça da Bandeira, Loteamento Santana, Barriguda e Loteamento Morada Nova.

O segundo projeto lançado foi Oficina de Confecção de Mané Gostoso – O fio da brincadeira. O objetivo da ação é mover condições essenciais para o desenvolvimento sustentável em benefício das gerações atuais e futuras do brinquedo popular Mané gostoso, através de sua proteção, difusão e manutenção dirigida ao único artesão limoeirense (Jorge Marceneiro), que produz o tradicional invento infantil, que também é um produto artesanal. Participam do projeto 25 educadores de Limoeiro, considerando entre eles oito educadores da rede municipal, oito educadores da rede estadual, cinco educadores dos programas sociais, e quatro vagas para associações comunitárias do município.

Fechando a programação foi lançado o Projeto Mané Gostoso e o Vaivém do Lúdico (Foto). Trata-se de uma oficina de confecção e montagem do brinquedo popular e quinze apresentações da contação de história Mané Gostoso pelo grupo de teatro da instituição nas zonas rural e urbana, beneficiando áreas que apresentem características de vulnerabilidade e risco social no município de Limoeiro. O projeto acontecerá de 22 de agosto a 31 de outubro.