Polícia Civil fecha abatedouro clandestino em Limoeiro


Após denúncia anônima, policiais civis da delegacia de Limoeiro, fecharam na tarde desta terça (23), um abatedouro clandestino na Rua da Gruta, Bairro Bela Vista. Segundo informações da polícia, o local interditado não apresentava condições sanitárias para funcionamento, assim como não tinha autorização de funcionamento expedida pelos órgãos de vigilância sanitária. Além do setor de abate, no local também funcionava um depósito para animais da espécie equina.

No portal da Polícia Civil de Pernambuco foram divulgados os nomes das pessoas que foram detidas na operação e as imagens do local. Sérgio Rodrigues Lino, 34 anos, José Rafael da Silva, 21, Carlos Eduardo Ferreira da Silva, 27, Cristiano de Lima Silva, 26, e Waldir Rogério da Silva Oliveira, 30, foram autuados em flagrante pelos crimes contra a saúde pública e formação de quadrilha.

Ainda de acordo com informações do portal da PC, no abatedouro clandestino, a polícia encontrou 06 jumentos vivos e peças inteiras de animais abatidos. Os cinco detidos foram encaminhados à delegacia local, prestaram depoimentos e, em seguida, conduzidos a Penitenciária Dr. Ênio Pessoa Guerra, em Limoeiro, onde encontram-se à disposição da justiça. 


Destino - A carne apreendida será incinerada. Já o departamento municipal de Vigilância Sanitária em conjunto com a secretaria de Agricultura e Meio Ambiente decidirão o destino dos animais vivos. Tradicionalmente, as carnes impróprias para consumo eram comercializadas em mercados públicos da capital pernambucana, o que provavelmente aconteceria com as carnes apreendidas nesta ação.