Termo define medidas de segurança para o São João de Orobó


Um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado entre a prefeitura de Orobó e o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) determinou algumas medidas que deverão ser adotadas pelo município durante a realização dos festejos juninos. O documento também teve a assinatura de representantes das polícias Militar e Civil, e do Conselho Tutelar. De acordo com o MPPE, as medidas visam estabelecer uma festividade segura para os moradores. A cidade deverá cumprir com algumas cláusulas do termo, onde dispõe a fiscalização do cumprimento da programação de eventos. 

A prefeitura de Orobó deverá instalar banheiros químicos em quantidade suficiente para atender o público aguardado, cadastrar os vendedores ambulantes e orientar quanto a proibição da venda de bebida alcoolica para menores de idade, além de realizar a troca dos recipientes de vidro por plástico nas entradas da festa. O descumprimento do termo acarretará em multa no valor de R$ 5 mil acrescidos de mais R$ 5 mil por ação não realizada. Quanto ao descumprimento do horário do término do show e desligamento do som, conforme estabelecido pela Secretaria de Defesa Social (SDS), será acrescido R$ 1 mil por minuto excedido.