Prefeito proíbe servidores usarem redes sociais em repartições municipais de São Vicente Férrer


Um decreto, publicado no Diário Oficial dos Municípios, proíbe o uso de aparelhos eletrônicos para acessar redes sociais e sites de relacionamento nas repartições públicas de São Vivente Férrer, na Mata Norte pernambucana. A determinação foi do prefeito do município, Flávio Régis (PSB). Segundo ele, o uso das redes sociais pode auxiliar o serviço público, mas também atrasa e dispersa a atenção, prejudicando muitas vezes o desempenho no trabalho. O decreto proíbe o uso de aparelhos celulares, tablets, smartphones e similares para acessar redes sociais e sites de relacionamento. 

A proibição vale para servidores públicos do município, durante o horário de expediente e serviço, nas repartições públicas municipais. A proibição não se aplica aos telefones celulares institucionais, usados com autorização da chefia imediata para fins exclusivos de serviço. Em caso de descumprimento, o servidor pode ser sujeito a sanções administrativas. O servidor só tem acesso ao uso do aparelho celular em casos emergências ou com a autorização de superiores. A determinação foi motivada por inúmeras reclamações de moradores que se sentiram prejudicados durante o atendimento nas repartições municipais. O decreto com a proibição já está em vigor. (Reprodução | A Voz do Planalto)