Limoeiro e Casinhas iniciam 2017 com cenário de violência


A delegacia do município de Casinhas está investigando o primeiro assassinato do ano. Adalberto Lima dos Santos, idade não informada, conhecido por “Dunga”, foi morto nas primeiras horas de 2017. De acordo com a polícia, o crime ocorreu no Sítio Catolé de Napoleão. Ainda segundo o policiamento, o popular estava foragido da penitenciária de Canhotinho, no Sertão do Estado. A perícia identificou que a vítima foi atingida por disparos de espingarda calibre 12. O corpo de Dunga foi recolhido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), em Caruaru. Esse foi o primeiro homicídio do ano. A causa e a motivação do crime ainda são desconhecidas.

E na madrugada deste domingo, um homem foi agredido a golpes de faca peixeira no Bairro da Linha, no município de Limoeiro. De acordo com informações da Polícia Militar (PM), José Alcimar Cosme Barbosa, idade não informada, foi atingido na região da cabeça e do tórax. Populares disseram que as agressões foram praticadas em um local conhecido como Beco da Caal. Segundo o policiamento, o suspeito ainda não foi identificado. Os motivos também são desconhecidos. Alcimar foi socorrido para o Hospital Regional de Limoeiro, mas em decorrência da gravidade dos ferimentos foi transferido para o Hospital da Restauração, no Recife. O caso está sendo investigado pela delegacia de Limoeiro. (Imagem | Divulgação)