Em Passira, ausência de documentos na Ação Social e CREAS sem energia


Através de informativo via Facebook, a nova secretária de Assistência Social de Passira, Karla Maísa, relatou como encontrou a pasta. Ela informou que alguns documentos relativos à política de assistência social não foram localizados. Segundo Maísa, eles garantem o repasse de recursos dos governos estadual e federal. A postagem confirma a ausência do CNPJ do Fundo Municipal de Assistência Social (FMAS), da prestação de contas do recurso do CRAS, dos censos SUAS: CRAS, Conselho, Gestão e Serviço de Convivência, além do cadastro do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. “Infelizmente a ausência destas documentações poderá impedir recurso para manutenção dos serviços que atendem à população carente”, disse Karla.

A secretária também falou sobre o Cadastro do Bolsa Família (CADÚNICO). “O serviço foi deixado pela gestão anterior desativado, pois a rede elétrica e equipamentos de informática, como roteador e fiação, foram desativados. Informamos que a nova gestão está empenhada e já viabilizando as novas redes de internet e recuperação do arquivo. A equipe já está participando de atividades de planejamento, visando atender da melhor maneira possível, garantindo o direito das pessoas de vulnerabilidade social”. Em relação ao Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), ela disse que encontrou o prédio sem energia elétrica. “Vamos sanar a pendência e já estamos providenciando a reestruturação do espaço e equipe de técnicos”, pontou.