Danilo, o "cantor da igreja", prepara CD em homenagem ao Padre Luís Cecchin


O legado deixado pelo padre Luís Cecchin está sendo transformado em canções. O jovem Dayvison Danilo, conhecido como o “Cantor da Igreja”, está empenhado na produção de um CD com canções que contam exclusivamente a história do religioso italiano em solo limoeirense. O trabalho tem o aval da Paróquia de São Sebastião, igreja que o padre ajudou a tornar realidade e foi sepultado. Algumas músicas já são executadas em missas e eventos religiosos da paróquia, o que tem agradado e gerado uma “cobrança” natural dos fieis pela gravação do CD. Em parceria com o músico e compositor Juari Barroso, cinco faixas estão prontas e devem compor o trabalho. Barroso também assina o arranjo musical.

Danilo disse a nossa reportagem que sempre acompanhou a história de Padre Luís. O trabalho dele tem sido a maior fonte de inspiração do cantor, que ainda terá a professora doutora Marijane Pimentel como participação especial no disco. A ideia do “Cantor da Igreja” é levar através da música o nome e a história de Cecchin aos mais distantes lugares e aproximar o legado social do padre com aqueles que não conheceram o religioso, responsável pela mudança na história das famílias mais carentes de Limoeiro. A previsão é de que o CD seja lançado oficialmente na Paróquia de São Sebastião no primeiro semestre de 2017. Danilo também é o cantor do Grupo Forró do Limoeiro.