Vigilantes do Hospital Regional de Limoeiro estão com salários e vales atrasados


A saga dos vigilantes do Hospital Regional José Fernandes Salsa, em Limoeiro, continua. Os profissionais estão sem receber os salários há dois meses. E quando o assunto é vale alimentação a situação é ainda pior, pois são quatro meses atrasados. A nossa reportagem teve acesso ao documento que tratou a deliberação da reunião envolvendo a Empresa Rima Segurança e o Sindicato dos Vigilantes, realizada no dia 21 de julho. Neste encontro, a empresa se comprometeu a pagar o salário de junho e um vale-alimentação no dia seguinte (22), o que não aconteceu. 

Um vigilante do hospital, que pediu para não ser identificado, revelou que foi liberada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) a quantia de aproximadamente R$ 700 mil no dia 22 de julho. Um dia após foi efetuado o pagamento, apenas, dos vigilantes lotados na capital pernambucana. Segundo este profissional, os lotados no interior ainda aguardam a liberação da segunda parcela. Até o momento eles continuam sem previsão. “Só os vigilantes do Recife é quem tem barriga é. Nós também temos família?”, alertou o servidor do hospital.