Projeto de suplementação de mais de R$ 1 milhão foi aprovado: 8x5


Após embate na Revista da Manhã da Rádio Jornal Limoeiro, na última sexta (27), entre o vereador Beto de Washington (PROS) e o prefeito Thiago Cavalcanti (PTB), o Projeto de Lei (PL) enviado pela prefeitura para suplementação de R$ 1,15 milhão, visando anulação de dotação orçamentária da infraestrutura para aplicação em equipamentos de turismo, foi aprovado na reunião desta terça (31), na Câmara de Vereadores. O PL passou com 8 votos favoráveis. Os componentes da oposição disseram não: Zé de Nena, Cicio de Salobro, Juarez de Convales, Beto de Washington e Luiz do Matadouro. Já a situação deu sinal verde: Daniel do Mercadinho, Hilton, Eraldo do Codesul, Manoel do Sindicato, José Felix, Bau da Capoeira, Zé Nilton e Zélia de Ribeiro do Mel.

O vereador Juarez questionou à mesa diretora sobre o número de votos suficientes para a aprovação. Na visão do democrata, a matéria deveria contar com dois terços do número de vereadores, ou seja, seriam necessários 9 votos favoráveis e não 8 como aconteceu. Mas o presidente da Casa Professor Agripino de Almeida, vereador Zé Félix, afirmou que a aprovação foi legal por se tratar de uma matéria simples e não de dois terços. Ele disse que essa informação seguia o regimento interno da CML. O presidente revelou também que consultou o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE) com relação ao assunto. (Imagem | Folha de Limoeiro | Jair Ferreira)