Polícia abre inquérito para investigar vendas de consórcios em Limoeiro


Na tarde deste sábado (07), dois vendedores de consórcios foram encaminhados à Delegacia de Limoeiro, para prestar esclarecimentos sobre acusações de que a empresa para qual eles prestam serviços não havia honrado compromissos na cidade. Segundo duas vítimas, a empresa Compra Premiada Moto Fácil não cumpriu com os contratos firmados com eles e quitados desde o ano de 2014. As vítimas disseram ainda que Laurilene Costa Ferreira, 42 anos, e André Torres Monteiro, 45, estavam realizando reuniões na Rua da Alegria, no Centro de Limoeiro, com o objetivo de vender novos consórcios. A delegacia deverá abrir inquérito para investigar as denúncias.