Vereador denuncia escuridão e pouca segurança pública em João Alfredo


Os moradores do município de João Alfredo estão convivendo com a escuridão. A denúncia foi feita pelo vereador da bancada de oposição Erivaldo Freire. O parlamentar postou imagens das redes sociais que mostram ruas do centro da cidade sem iluminação. Segundo Erivaldo, a rua onde ele reside (foto), Apúlio Cavalcanti, está há mais de 15 dias nesta situação. Para Freire, o escuro tem sido fator contribuinte para o aumento de assaltos e assassinatos nos últimos meses. “Os moradores, as famílias não podem mais sentar nas calçadas, pois temem algum assalto. As pessoas estão ficando reféns da falta de iluminação e segurança”, disse o vereador durante entrevista concedida à Rádio Jornal Limoeiro.

De acordo com o legislador, uma audiência pública envolvendo os poderes do município definiu a criação do Conselho Municipal de Segurança Pública. O objetivo é formular ações em conjunto com as polícias para evitar o crescimento da violência. Mas, segundo Erivaldo, o projeto que deveria ser elaborado e enviado pela prefeitura local continua parado. Em relação ao melhoramento e manutenção das luminárias, o vereador disse que a gestão municipal ainda não assumiu a responsabilidade repassada pela Celpe. “Não existe um plano de trabalho para que lâmpadas sejam trocadas ou uma manutenção seja realizada”, afirmou.

Erivaldo Freire também relatou a situação precária da segurança pública. Segundo ele, o “Estado está quebrado” e faltam policiais suficientes para a demanda. “Não podemos sangrar quem já está em dificuldade. A polícia não tem culpa. Em João Alfredo só tem uma viatura para atender todo o município. As delegacias não têm plantões e quando os policiais saem para registrar a ocorrência em Limoeiro ou Surubim, os bandidos ficam observando para praticar os delitos. Teve um dia que os policiais tiveram que parar as rondas, descer e empurrar a viatura quebrada”, lamentou. A nossa reportagem tentou contato com a prefeita Maria Sebastiana, mas ela estaria ausente, cumprindo agenda. (Imagem | Reprodução Rede Social)