Oposicionista denuncia obra inacabada em Vila Mendes ao MPPE


A construção da quadra do Distrito de Vila Mendes, em Limoeiro, foi parar no Ministério Público de Pernambuco (MPPE). A obra está inacabada em decorrência de irregularidades na construção. A assessoria de Imprensa da prefeitura de Limoeiro chegou a anunciar data de inauguração, mas até o momento apenas um piso quebrado e metralhas formam o cenário que seria destinado à prática esportiva das escolas e comunidade. O ex-deputado e aposentado Assis Pedrosa, também militante da oposição no município, ingressou com um petição no MPPE e solicitou uma intervenção do promotor para obter informações detalhadas.

“Após diversas indagações de público ao pessoal da refeitura, e como não tive nenhuma resposta, resolvi recorrer ao Ministério Público para saber o que realmente aconteceu com a construção da quadra de esportes dos Mendes. Como sabemos, a obra é anterior a 2013, foram feitos dois ou três pisos, sendo quebrados em seguida, e, atualmente, a mesma está em chão batido. Não temos conhecimento de responsabilização das construtoras, ou mesmo da prefeitura”, escreveu Assis em sua página no Facebook. 

O aposentado, ainda na postagem, fez questionamentos à gestão municipal: “O que existe de concreto é que pegavam o nosso dinheiro, do imposto, e torravam na construção que não existe. Quanto foi gasto? De onde veio o dinheiro? A falta de responsabilidade foi da construtora ou do prefeito? Como prestaram contas de uma obra que não existe? A quem prestaram conta? Eu quero saber até para denunciar o responsável”. (Imagem Assis Pedrosa | Reprodução)