Compesa volta a abastecer Bom Jardim pela rede e moradores contestam estouramentos


Com as chuvas dos últimos dias, a Barragem de Palmeirinha, localizada em Pedra Fina, zona rural de Bom Jardim, voltou a acumular água. Diante do cenário mais positivo, a Gerência Mata Norte da Compesa emitiu uma nota de utilidade pública informando que desde ontem, a companhia voltou a abastecer os municípios de João Alfredo e Bom Jardim, além do Distrito de Umari, através da rede de forma gradativa.

Mas a tão sonhada água na torneira não chegou como boa notícia para muitos moradores. O professor José Célio, residente em Bom Jardim, disse na Rádio Jornal Limoeiro que a quantidade de estouramentos ao longo da cidade tem gerado muito desperdício. Os moradores cobraram uma manutenção na tubulação, antes do retorno do abastecimento pela rede. “Passamos por um período de dificuldades e não podemos desperdiçar água. Muitos vazamentos foram registrados pelos moradores, por isso pedimos a direção da Compesa que antes de voltar o abastecimento pela rede faça a manutenção da tubulação”, alertou o professor.

A reclamação dos ouvintes relativas aos inúmeros vazamentos na rede de abastecimento do município de Bom Jardim está sendo atendida. Em contato com a nossa reportagem, o gerente da regional Mata Norte, Denis Fernando, explicou que o longo período fora de atividade ressecou os canos, “o que é natural”, provocando os estouramentos quando da reativação. “Estamos com um mutirão para identificação e consertos. Só vamos abrir novamente o abastecimento pela rede quando os problemas foram solucionados”, garantiu o gerente.

Ainda na nota de utilidade pública emitida pela Compesa, Denis Fernando ressaltou que em paralelo, os abastecimentos complementares através de carros pipa continuarão. Ela ainda revelou que a barragem, que estava em colapso com apenas 15 de sua capacidade, chegou a 20%. (Imagem | Bom Jardim Notícias)