Agricultor morre afogado em açude na Zona Rural de Passira

Na manhã desta quarta (12), o efetivo da Polícia Militar (PM) foi solicitado no Sítio Varjada, Zona Rural de Passira, para averiguar uma informação de afogamento. No local, a agricultora Maria Braz da Silva, 58 anos, residente no Sítio Candeais, Zona Rural de Passira, disse aos militares que o seu esposo, o agricultor Gilvan Horácio do Nascimento, 50 anos, teria saído para pescar na última terça-feira, por volta das 09h, sendo encontrado morto dentro de um açude da comunidade. 

Segundo informações repassadas pela polícia, Gilvan foi encontrado com uma tarrafa amarrada por um cordão em seu braço. A esposa revelou que a vítima sofria de ataques epiléticos, o que pode ter provocado o afogamento. A polícia acompanhou a retirada do corpo juntamente com o agente civil e o serviço funerário, sendo conduzido até a delegacia local e, em seguida, encaminhado ao IML, em Recife. O caso foi registrado na delegacia de Passira.