Presidente da FPF confirma possibilidade do Centro Limoeirense na "Segundona"

Em uma eleição considerada confusa, o empresário Roberto Rodrigues (Beto de Sula) venceu a disputa pela presidência do Executivo do Centro Limoeirense. O empresário disputou com o advogado Jorge Farias. A eleição foi realizada na tarde do dia 29 de abril, na sede do clube, quando compareceram para votar 131 sócios. Após a apuração, a chapa vitoriosa somou um total 102 votos contra 27 do adversário. Ainda foram registrados 02 votos nulos. Eleitores questionaram a presença de pessoas que não constavam nas listagens anteriores de sócios, mas que tiveram acesso a votação. Apesar dos fatos, o candidato eleito foi empossado de imediato e já responde pelo “dragão”.

A eleição foi coordenada pelo secretário geral da Federação Pernambucana de Futebol e interventor do clube, João Caixero. A advogada limoeirense Sílvia Arruda foi a convidada de honra para presidir a mesa das eleições. O presidente da FPF, Evandro Cavalcanti, também prestigiou a eleição e renovou o compromisso de ajudar alvirrubro limoeirense na difícil missão do Campeonato Pernambucano da Série A2. Este ano, a agremiação completará cem anos e corria o risco de não participar da competição. Mas segundo Caixero, com o apoio da federação, que iniciou os trabalhos de restauração da sede e do campo, a equipe deverá entrar na competição em busca do acesso a “primeirona”.

Quando iniciou os trabalhos de intervenção em Limoeiro, o secretário geral da FPF informou que os sócios em atraso poderiam efetuar o pagamento simbólico de R$ 10 e o valor do débito seria anistiado, permitindo ao sócio, ainda, o direito de votar e ser votado. A inscrição da segunda chapa via FPF também gerou comentários negativos, tendo em vista o estatuto do clube determinar um prazo limite que antecedera a data da eleição para a inscrição de chapas. Neste cenário, o interventor assumiu que o estatuto não foi cumprido.

Futuro – Após a confirmação da vitória, o empresário Beto de Sula apresentou o vereador da cidade do Recife e ex-jogador Davi Muniz. Ele, que atuou no Centro Limoeirense, será o responsável pela montagem do elenco e comissão técnica. De acordo com Davi, um grupo de atletas e profissionais para comissão técnica já foram contatados, sinalizando positivamente para realização de um projeto em Limoeiro. De olho na “segundona”, os trabalhos devem começar na segunda quinzena de maio. Em entrevista concedida à Cultural FM, o presidente da FPF, Evandro Carvalho, confirmou a possibilidade de o Centro Limoeirense participar da Série A2 do Pernambucano 2013.